.

Deficiente I

.
Deficiente de Corpo bom de alma


 
Á s vezes ficamos pensando como pode uma pessoa ser deficiente de um braço ou de uma perna ou ser surdo talvez mudo, isso quando não possuem deficiência em vários órgãos.

Como se sente essa pessoa deficiente de órgãos que para nos são essenciais para uma vida saudável, em condições de corresponder a todas as necessidades e ter uma vida normal em todas as circunstâncias.
Alias para alguns com todos os órgãos normais ainda acha que não são suficientes, e outros nem sabem usar desses órgãos ou faz deles inúteis ou fúteis para seus reais papéis.

Veja por exemplo se ficamos doentes por um período já ficamos nos lamentando como se o mundo fosse acabar.
Ficamos pensando no dia a dia um deficiente que gostaria de realizar um objetivo e se vê restringido pelas suas limitações físicas.

Qual será seu grau de decepção diante de suas limitações. Muitos se perguntam por que tenho que ser assim limitado em relação as pessoas normais?

Foi um deficiente que me respondeu essa pergunta.
-Dentro de minhas limitações eu me considero uma pessoa normal.
Eu achei isso muito interessante, por quê? Ele tem consciência de seus limites, ele sabe exatamente até onde ele pode chegar e o mais importante não se considera um inútil, faz o que tem que fazer com prazer e alegria e por sinal bem feito.

Respeitando cada um suas limitações não podemos nos deixar pelas “deficiências” do corpo, temos uma alma um espírito e ela não pode ser deficientes também.
Sim porque muitas pessoas se acham insatisfeitos principalmente pelo corpo, ou porque é gordo e não magro e vice-versa, porque baixo e não alto e vice-versa, porque é loira e não morena e vice-versa e assim por diante, isso sim é ser deficiente não se aceitar como somos.

A realidade é que todos somos deficientes em alguma coisa, temos limitações e incapacidades físicas,intelectuais e mentais das quais nem sempre conseguimos superá-las.
Porque deficiência quer dizer também incapacidade para dar soluções a uma série de obstáculos que enfrentamos no dia a dia. E se formos levar em considerações nossas deficiências se achando inútil ou vitima ai sim seremos deficientes.

Fiquemos com esses pensamentos.
Enxergamos com os olhos da matéria, e não conseguimos ver com os olhos da alma. Ranulfo
Somos todos anjos de uma só asa. E só podemos voar quando abraçamos uns aos outros
Lutar pelos direitos dos deficientes é uma forma de superar as nossas próprias deficiências. J.F. Kennedy

6 Deixe seu comentário:

Caetano disse...

Quando rejeitamos alguém, desrespeitando seus sentimentos, provamos que deficientes somos nós.

Frederico disse...

Os deficientes são pessoas que possuem limitações. Para isso a sociedade precisa criar alternativas que os auxiliem a conviver com elas.
É o minimo que devemos fazer para compensar a nossa condição de "pessoas normais".

Ranulfo disse...

Olá Caetano, tudo bem?

Você está certíssimo, o maior deficiente é aquele que tem discernimento para entender seu próximo, porém não enxerga o próprio umbigo.

Ranulfo disse...

Oi Frederico, tudo bem?

É isso mesmo, ninguém é anormal, cada pessoa tem suas limitações.
O que acontece é que muitas delas só são superadas quando nos unimos.

Gerson disse...

Não adianta só criarmos leis para resguardar, amparar e dar condições aos deficientes.
Precisamos principalmente, mudar nossa consciência e quebrar nossos preconceitos.

Ranulfo disse...

Gerson, obrigado pela visita.

Exatamente, a grande força transformadora está em nossa mente e em nosso coração.
Abraços

Postar um comentário

Será um prazer receber comentários, para nós do Varimix, eles são muito importante.

Esclarecemos que, serão avaliados antes da publicação, sendo que comentários obscenos, difamatórios e que não tem relação com o Blog não serão publicados.
Os comentários não refletem a opinião do autor do artigo.

Participem, deixem seu recado.
Abraços!